terça-feira, 5 de janeiro de 2016

A fogueira das vaidades de Madrid...

Prólogo: Poderia estar a falar de uma outra fogueira, também em Madrid, onde ardem muitos euros nossos. Mas não...

Rafa Benitez foi o décimo treinador que Florentino Perez despediu. O Real Madrid despediu um treinador que está apenas desde o Verão no comando da equipa, a apenas 4 pontos da liderança, mas que curiosamente muitos, no nosso burgo encarnado clamam pelo seu despedimento (o quê?). Benitez, gostem que não não gostem, é um treinador com um currículo invejável. Convém recordar que, por exemplo, venceu duas Ligas espanholas com o... Valência e já foi também campeão europeu. Ah e limpou-nos uma Liga Europa. Pois, mas a culpa é de Jorge Jesus, que na altura já nos queria trair! Na fogueira das vaidades de Madrid todos ardem. Até Cristiano Ronaldo, jogador pelo qual não nutro particular simpatia, mas que é um dos melhores da já rica e vastíssima história merengue. Só mesmo a azia espanhola dele ser português o impede de ser mais reconhecido. Mas ali todos ardem... Até lendas como Casillas e Raul, que saiu, não pela porta pequena, mas por uma ao lado da principal. Todos menos um. Há sempre um que fica de fora. Todos têm culpa menos um. É incrível como Perez consegue a proeza de, em 4 anos, despedir três treinadores cujo currículo somado perfaz... 52 títulos! Destes, 15 são troféus internacionais, onde pontificam 6 Champions Leagues! Incrível. Porém, estes mentecaptos, Mourinho, Ancelotti e Benitez não merecem o banco merengue. Ao mínimo deslize, rua! E como Benítez andou a ser cozinhado em lume brando, agora que saiu, nada melhor que uma decisão popularucha de promover Zinedine Zidane, que só tem um ano de Real Madrid B, na Segunda B e segue em 2º lugar a 4 pontos do Barakaldo. Mas como é a decisão popular... Afastar o gordo antipático, esquecendo do seu currículo, esquecendo os CV's de Mourinho e Ancelotti, tudo isto se apaga com Zidane, o popular Zidane. 

É um Real Madrid que se afunda nas vaidades presidenciais, que passam para muitos dos seus adeptos, numa arrogância e desprezo pelo trabalho rigoroso que nunca fez parte da sua História. Com Perez a ser um presidente empresário sem amor à causa. Só ao lugar... E é por isso que no século XXI o Barça encurta distâncias na contabilidade dos principais troféus e já ultrapassou os madrilenos no total de títulos! Semelhanças com a nossa realidade não sei será pura coincidência...

Off topic: "Se pode ser o ano da minha afirmação? Espero que sim. Vou entregar-me ao máximo para que esse prognóstico venha a ser verdadeiro."- Raul Jiménez. Assim o esperam os benfiquistas. Mas quem também o espera é mesmo Vieira, que não consegue justificar o porquê deste negócio, escudando-se em "rendimento". No entanto pelo que vemos do jogador, e tem melhorado diga-se, alguém acredita que vá valer 60M€, como aponta o presidente? Gostava muito que o mexicano fizesse uma excelente época.  Era bom para todos! Mas gostaria ainda mais que Vieira explicasse o rio de dinheiro que corre para o Calderón... Mas isso é pedir demais...

4 comentários:

Luis Ferreira disse...

"que se afunda nas vaidades presidenciais, que passam para os adeptos, numa arrogância e desprezo pelo trabalho rigoroso que nunca fez parte da sua História." Onde é que eu já vi isto ? Ah espera...

PP disse...

Concordo que haja uma feira das vaidades em Madrid. Já não posso dizer o mesmo do que se passa na Luz. Se fosse assim, jamais contrataria-se Rui Vitória, mas sim um Marco Silva ou outro qualquer que estivesse na moda. Se fossem aburguesados como tantos dizem, então continuava-se a gastar rio de dinheiros em contratações, e não é isso que se vê.

Para mim são dois casos completamente diferentes. Neste momento, estamos mais próximos do Barcelona que qualquer outro clube do mundo.

Red Army Officer disse...

Não se gastaram rios de dinheiro mal gastos? Explique lá isso à luz de Pizzi ou Jiménez, sff. Mais próximo do Barcelona? Explique lá isso, sff.

José Ramalhete disse...

Mas o modelo a alcançar pelo presidente sempre foi o Real Madrid!

Enviar um comentário

Debatam... Discutam as ideias. Não insistam no ataque e ofensa pessoal. Apresentem argumentos válidos a favor ou contra. Fora isso, será removido.